Você está aqui: Página Inicial > Noticias Periodo Eleitoral > Abertura do escritório local da Agência de Inovação Tecnológica (Agitec) acontecerá nesta quarta-feira (14)

Abertura do escritório local da Agência de Inovação Tecnológica (Agitec) acontecerá nesta quarta-feira (14)

Extensão

A Universidade Estadual do Paraná (Unespar), campus de Campo Mourão convida a toda comunidade acadêmica, e externa, para a abertura do escritório local da Agência de Inovação Tecnológica (Agitec), que congrega os projetos Hotel Tecnológico (HT), Empreende + e ProjetekO evento terá início às 10h, do dia 14 de setembro de 2022 (quarta-feira), no Anfiteatro da Instituição.


A Agência de Inovação Tecnológica (Agitec)

A AGITEC teve início como Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT) da Universidade Estadual do Paraná, desenvolvido por docentes e pesquisadores da Unespar, campus  de Paranaguá, por meio de um planejamento de grande importância para o litoral paranaense, tendo em vista o potencial econômico, com significativa concentração de indústrias e de organizações públicas e privadas de ensino e pesquisa na região. Evidencia-se, portanto, uma ampla e complexa rede de atores que atuam de forma conjunta para o desenvolvimento de ações voltadas à inovação e tecnologia. E em função disso, a Unespar possui um corpo docente e de pesquisadores experientes na realização de projetos voltados a empreendedorismo. As ações iniciais foram complementadas com novas propostas de desenvolvimento de inovação e de proteção à propriedade intelectual, através de realização de parcerias, consultorias e treinamentos específicos aos atores que atuam na região nas atividades que já eram desenvolvidas na Universidade. Com isso, foi estruturado e implementado um laboratório para a disseminação das políticas de propriedade intelectual, transferência de tecnologia e apoio a cultura empreendedora na Unespar.

Em 2022 a Superintendência Geral De Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti) nomeou o NIT para Agência de Inovação Tecnológica (Agitec), ampliando a atuação do Núcleo, com atuação em todos os campi da Unespar, com estrutura física e de capital humano, contribuindo para a difusão da inovação no Paraná.

Comitês da AGITEC 
Comitê de Propriedade Intelectual: O Comitê de Propriedade Intelectual é composto de três professores de diferentes áreas do conhecimento indicados pelo Coordenador Geral do NIT. Compete ao Comitê de Propriedade Intelectual promover o registro de propriedade intelectual, abertura e acompanhamento de processos de transferência de tecnologia e demais questões referentes à propriedade intelectual, nos termos da legislação vigente; e divulgar, no âmbito institucional, a política de propriedade intelectual da UNESPAR.
Comitê de Parque Tecnológico: O Comitê de Parque Tecnológico é composto por três professores de diferentes áreas do conhecimento, indicados pelo Coordenador Geral do NIT. Ao Comitê de Parque Tecnológico compete proceder à instalação de parques e incubadoras, bem como ao fortalecimento de empresas de base tecnológica; e divulgar, no âmbito institucional, a constituição de parques e incubadoras.

Comitê de Transferência de Tecnologia: O Comitê de Transferência de Tecnologia é composto por três professores de diferentes áreas do conhecimento, indicados pelo Coordenador Geral do NIT. Compete ao Comitê de Transferência de Tecnologia realizar o desenvolvimento de ações e relacionamento com empresas e órgãos públicos, oferecendo apoio à elaboração de projetos de pesquisa científica e tecnológica; e promover treinamentos e atualizações referentes à elaboração, gerenciamento e qualificação de projetos de incentivos à inovação e à pesquisa científica e tecnológica.

As atribuições da AGITEC

I – Proceder a avaliação prévia e a emissão de parecer fundamentado acerca de todos os projetos que dispõem sobre incentivos à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo da UNESPAR;

II – Estimular parcerias com pessoas jurídicas de direito público ou privado, estatutariamente instituídos para fins de pesquisas;

III – Implementar políticas de formação de recursos humanos, capacitando-os para fortalecimentos dos projetos de interação e formação de pesquisas;

IV – Implementar uma política de propriedade intelectual e de inovação tecnológica;

V – Zelar pela manutenção da política institucional de estímulo à proteção das criações, licenciamento, inovação e outras formas de transferências de tecnologia;

VI – Manifestar-se sobre a conveniência e promover a proteção das criações desenvolvidas na Universidade;

VII – Opinar quanto à conveniência de divulgação das criações desenvolvidas na UNESPAR, passíveis de proteção intelectual;

VIII – Acompanhar os procedimentos dos pedidos e a manutenção dos títulos de propriedade intelectual da UNESPAR;

IX – Manifestar-se previamente sobre os contratos, convênios, acordos de cooperação e demais instrumentos jurídicos congêneres relacionados a projetos de pesquisa que envolvam inovação e tecnologia, bem como de propriedade industrial e direitos autorais.

O Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT)

O Núcleo de Inovação Tecnológica da Universidade Estadual do Paraná, criado pela Resolução n. º008/2019 - COU/UNESPAR, é um Órgão Suplementar da Reitoria vinculado à Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PRPPG). Tem por finalidade a criação e o gerenciamento da política de incentivo à inovação e à pesquisa científica e tecnológica, bem como a viabilização de estratégias e ações relacionadas à propriedade intelectual nos âmbitos interno e externo da UNESPAR.

Entende-se por Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT), "núcleo ou órgão constituído por uma ou mais ICT (Instituição Científica e Tecnológica), com a finalidade de gerir sua política de inovação"; ICT, "órgão ou entidade da administração pública que tenha por missão institucional, dentre outras, executar atividades de pesquisa básica ou aplicada de caráter científico ou tecnológico".


Rede paranaense de CT&I

O NIT UNESPAR é membro da Rede Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação das Universidades Estaduais do Paraná.

Criado pela Portaria SETI 103/2020 a Rede Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação é composta por representantes de todas as universidades estaduais do Paraná e, tem por como objetivos:

I. Consolidar a integração das iniciativas de CT&I das Universidades Estaduais;

II. Alinhar as ações e promover intercâmbio das Procuradorias Jurídicas das IEES em prol da CT&I;

III. Ampliar a captação de recursos econômicos e financeiros pelas IEES;

IV. Aperfeiçoar o uso compartilhado de infraestrutura de P&D já instalada nas IEES;

V. Ampliar o intercâmbio de competências de CT&I entre as IEES;

VI. Aumentar a visibilidade das ações de CT&I das IEES junto à comunidade acadêmica e sociedade;

VII. Articular as diferentes regulamentações da Política de Inovação das IEES;

VIII. Articular o alinhamento do papel das Agências de Inovação e dos NITs das IEES;

IX. Ampliar a integração das IEES com a sociedade e com os ecossistemas e atores de inovação já existentes nas regiões de abrangência das IEES;

X. Criar uma base metodológica e operacional para a constituição da Rede Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação que abrangerá em um segundo momento, todos os demais atores de CT&I do Paraná (ICTs, NITs, IES, Parques Tecnológicos etc.).